quinta-feira, 18 de novembro de 2010

Ajuda

Sabe aquele momento em que você mais precisa de ajuda? Quando se está realmente exausto, cansado, irritado, triste e sei lá mais o que?

Já perceberam que nesses momentos a ajuda vem de onde menos se espera? Normalmente, as pessoas que nós esperavamos que ajudassem são as que menos aparecem, se é que aparecem. Saem de fininho ou simplesmente desaparecem. Parece até que estão muito piores do que você. E se você parar para pensar elas devem mesmo estar pior do que você. Então, não culpe que não o ajudou.

Só que aí acontece algo incrível, alguém completamente inesperado, uma pessoa que não tinha muito porque te ajudar se aproxima e oferece uma mão que lhe poupa muito trabalhou ou sofrimento.

Ao invés de reclamar de quem não ajuda, que tal agradecer mais ou retribuir a ajuda que você recebeu? Pode ser devolvendo para a pessoa, ou ajudando uma terceira.