domingo, 29 de maio de 2011

Atração

Nossas vidas são regidas por certas regras, acreditemos ou não. As regras existem e não há nada que possamos fazer para escapar delas. Absolutamente nada.

Uma das leis mais importantes é a lei da atração. Semelhante atrai semelhante. As pessoas dizem que os opostos se atraem, mas isso só serve para os imãs. Onde aquele mesmo material, se tiver apenas as cargas opostas, se atraí. Se a carga for igual, se repele.

A gravidade é o maior exemplo de atração. Matéria atrai matéria, não importa a quantidade, se existe matéria, existe atração. Conosco funciona da mesma forma. Atraímos para nós quem e o que nos é semelhante. Nossos amigos são determinados pelas afinidades e não pelo contrário. Os casamentos que dão certo funcionam da mesma forma.

Tudo que fazemos, pensamos e sentimos é causa das coisas que acontecem conosco, porque o que acontece em nossas vidas depende muito dos seres que se aproximam e se mantém conosco. E talvez dependa mais ainda do que se afasta de nós. Porque também repelimos tudo aquilo que não é compatível com nossa vibração.

Dessa lei deriva a tal lei do retorno, que diz que você receberá de volta o que fizer. O que você faz está repleto de pensamentos e sentimentos. E como eu já disse, semelhante atrai semelhante. Daí vem a ideia de fazer ao próximo apenas o que gostariamos que fizessem conosco. Dái vem a história de amai aos outros como a ti mesmo.

As vezes parece que a regra falha para algumas pessoas que praticam tanto mal, mas você não possui dados suficientes para julgar isso. Primeiro, você não sabe o quanto aquela pessoa sofre em sua vida pessoal. Vemos apenas o que os outros querem mostrar. Segundo: quem disse que só existe essa vida de agora?