quinta-feira, 16 de agosto de 2012

Não Esconda, Corrija!

Temos o péssimo costume de esconder nossos defeitos e hábitos ruins. A nossa preocupação é que os outros não saibam dos nossos erros. Também não queremos que saibam das nossas infelicidades. A preocupação principal é com uma imagem externa falsa e não com o eu verdadeiro.

O que importa de fato é não ter os defeitos, assim você vive mais feliz. Quanto mais seu interior for exposto, mais as pessoas irão corrigí-lo ou reclamar das suas atitudes. Isso lhe dará mais oportunidades para melhorar. Da outra forma, o que se faz é ignorar um problema e mais outro e mais outro.

Isso é fonte de sofrimento, porque cedo ou tarde as pessoas mais próximas irão descobrí-los e se decepcionarão. Quando existe a preocupação da autocorreção, seja por uma aviso externo ou por uma percepção interior, você melhora e todos notam. Deixa de ser uma máscara e passa a ser algo real, o sofrimento desaparece e você se sente muito mais feliz.

Meu conselho é: não se preocupe em esconder seus defeitos. Deixe que os outros vejam. Eles poderão ajudá-lo. As pessoas lhe indicarão o que deve ser melhorado e basta que se tenha a humildade de reconhecer estas dicas e trabalhar para corrigir aquilo que está errado.